Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘the temple of elemental evil’

Acabei de receber meu reward da Wizards: a aventura The Village of Hommlet. Infelizmente não posso ler ainda pq o Sombra recebeu o dele e vai mestrar pra galera esse mês. Eu estou super empolgado em jogar pq eu tinha o jogo The Temple of Elemental Evil e achava o máximo, principalmente pq ele é turn based e não real time como a série Neverwinter Nights (que por sua vez é multiplayer), o que dá um aspecto muito mais tático ao jogo. No NWN é muito difícil vc dar o passe de ajuste pra evitar o ataque de oportunidade, já no Temple, o combate é  igualzinho ao rpg de mesa.

Quanto ao material em si, não pude ler, mas a capa é bem bonita e cheio de mapas (da cidade e da taverna) e dentro tem um grid de duas faces: uma taverna e uma pequena fortaleza com fosso, que são dois grids genéricos q podemos reaproveitar em diversas aventuras.

Mas a questão principal do post é q o relacionamento que a Wizards tenta estabelecer com os principais disseminadores do hobbie (os DMs) é muito melhor que o de algumas empresas concorrentes. Se mestrarmos no mínimo 5 aventuras no semestre, ganhamos um reward. E eles mandam o brinde pro Brasil inclusive (pelo menos livro né, não sei se fazem o mesmo com miniaturas, que é brinquedo e dá o maior rolo na alfândega).

Eu nunca ganhei um nada da Steve Jackson Games ou da Devir (obviamente não é culpa deles e sim da SJG) por mestrar Gurps, em casa, durante dezesseis anos!!! E mestrando D&D por menos de um ano, eu ganhei essa parada na minha casa.
Ah, o módulo básico segunda edição do Gurps em PT vinha numa capa protetora de plástico e com um d6 bem bonito e o screen (mas a gente logo pensa que tá tudo embutido no preço do livro…são outros tempos, o primórdio do rpg em pt) e a Devir até dá uns brindes pra quem mestra nos eventos deles, mas e todo esse tempo que mestrei meus jogos caseiros? (Mas saibam que mesmo assim, Gurps ainda é meu sistema preferido)

A White Wolf também não tinha essa parada de reward, mas tinha o esquema dos By Night (não era organizado pela empresa, mas eles incentivavam e alguns funcionários ficavam de olho) que teve uma época que virou febre no Brasil. Ao invés de recompensa financeira, vc recebe reconhecimento (mundial e local), o que, do ponto de vista de negócios, é bem melhor pra empresa pq não tem que ficar comprando os mestres com brindes.

O pessoal ficava louco para organizar o By Night da sua região e já começar com um vampiro mais fodão, ou então conhecer a galera local e já se enturmar. Além de ficar discutindo o metaplot como um bando de fanáticos.

O Legend of Five Rings também tinha uma parada dessa. O clã que tivesse maior quantidade de vitórias nos campeonatos do card game, entrava como o vencedor na storyline do jogo. É uma forma do jogador se sentir importante, a vitória dele conta.

Bom, enfim, me enviando esse brinde, a Wizards me deixou mais pilhado pra mestrar em eventos públicos pra outras pessoas (pq meu grupo já tem e vai jogar). E feliz pq recebi um mapinha legal de taverna e forte. Que venham os próximos brindes.

Read Full Post »