Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Magic The Gathering’

Ae galerinha do mal, hj era pra ter reporte de campanha de Dark Sun, mas infelizmente o jogo foi adiado. Então, vou passar alguns links para podcasts interessantes q ouvi na semana.

Curti muito o Nitrocast 16, 17 e 18 que falam sobre narrativa compartilhada, além dos episódios q fazem um resumão de Forgotten Realms (Na real já tinha ouvido faz tempo).

E o mais novo podcast da Terceira Terra: Magic a la Carte, que nessa semana está servindo “Pato” como prato principal. Esse podcast promete, ainda gosto bastante de Magic, apesar de já ter largado o vício.

E o DDOcast, que fala sobre Dungeons and Dragons Online.

De resto, tenho trabalhado muito, jogado pouco MMO (DDO e LoTRO) e assistindo Game of Thrones religiosamente todo domingo (ou segunda hahahaha).

Final de semana passado fui num evento do RPG Arautos, lá na Ludus luderia.  Recomendo muito o evento, a galerinha é legal, uma ótima oportunidade para quem mora em SP e não tem grupo para jogar D&D 4ed. E depois que vc termina o jogo de D&D vc acha que a diversão acabou? Se enganou, pq é aí q  a diversão começa. Pq podemos jogar os games que têm lá na Luderia. Dessa vez joguei um dos Cavaleiros da Távola Redonda e Citatels (que já tinha jogado com uma galerinha maneira dos blogs de RPG no RPGCon). Infelizmente não deu tempo para rodar uma partida de Settlers of Catan, que eu adoro.

É isso povo até o próximo post, e tomem cuidado q o inverno está chegando. (Eu já até fiquei doente por causa do frio, inclusive)

Read Full Post »

Cara, como eu gostava de jogar Magic The Gathering…essa porcaria de jogo drenou todo o dinheiro da minha adolescência, mas valeu o curso de inglês. Creio que aprendi muito mais inglês com Magic do que com RPG.

“O jogo das pedrinhas bonitas” – como chamávamos antes de conhecê-lo, devido aos counters de vidro bem bonito e brilhante.

Uma coisa que me chateava nesse jogo, foi quando passei a jogar com players que tinham mais cartas (no início só jogava eu e meu irmão, eventualmente ensinava um amigo e emprestava o deck) e jogavam com deck azul. Poutz…que chatice…vc ia fazer uma mágica e eles logo diziam: “Eu countero!” ou então “Dou counter”. Era como se vc estivesse para fazer o gol e o bandeirinha marcasse o impedimento…que raiva.
Aí, hoje, cruzei com este vídeo na internet, que quero compartilhar com vcs. Ele se chama: “Eu countero

Ri muito…

Ainda falando dos decks, eu tinha vários decks diferentes, o mais efetivo era o preto descartador de cartas, com espectro hypnotico, mind twist, hymm to tourach…

Também gostava de um branco e azul, baralho de êxtase, que segundo meus amigos “embucetava travava” o jogo todo e eu chamava de Combo Imbatível (q piada!). Baseava-se na carta êxtase e serra angel…também tinha a orbe hibernal (q forçava os jogadores a desvirarem somente um land por turno) e outras maldades…era um deck lento no começo, mas se vc aguentasse (com ajuda de counters, sword to plowshares), travava o jogo e fazia a festa.

Tinha o vermelho puro só de dano.

O verde e vermelho pra sacrificar florestas (orc lenhador), pontos de vida (channel) e uma barreira q dava mana vermelho para dar dano maciço logo no começo do jogo (sem Black Lotus, infelizmente*).
Bom, aí o Magic começou a virar palhaçada (acho q na quinta edição) aí parei…
Mas foram tempos divertidos, onde economizava dinheiro do lanche para comprar Magic, cabulava aula de educação física para jogar Magic e vivia na loja de RPG trocando cards…

* Aliás, naquela época havia uma lenda sobre um deck imbatível que ganhava na primeira rodada. Era “só” você ter uma Black Lotus (Custo zero pra pôr na mesa, sacrifica e ganha três mana de qquer cor) um Channel (Sacrifica ponto de vida e ganha mana) e Fireball (podia ser desintegrate ou algo do gênero). A lenda era, que num campeonato, o cara saiu com estas três cartas na primeira rodada. Desceu uma land qquer, a Black Lotus e então sacrificou a Black, virou a land, usou Channel e sacrificou 19 pontos de vida para conseguir 19 manas. Daí ele soltou uma Fireball com força total e ganhou o jogo sem o oponente jogar.

Depois de um tempo, foi lançada a carta azul Force of Will, que tem o custo em mana para lançar, mas vc também podia sacrificar nãolembroquantascartasdamão e um ponto de vida para anular mágica alvo. Ficávamos zoando que essa carta era o counter pro combo imbatível.

Read Full Post »

O Rey Jr do Ooze, ao responder o meme dos blogueiros como personagens de RPG, deixou uma sugestão interessante: Criar cartas de Magic com a galera da blogosfera. Então tá aí…criei a minha.

Tsu Carta de Magic

Para criar a carta, usei o http://magic.falseblue.com

Read Full Post »